Siga o 'Madonna ever'

RSS
Premium WordPress Themes

30 maio 2009

Revista fala sobre aparelho responsável pela boa forma de Madonna

Primeiro foi o sucesso de ser apontado como o responsável pelo corpo fenomenal de Madonna, no auge da forma aos 50 anos. Agora, o Power Plate - aparelho de ginástica constituído por uma plataforma que vibra enquanto o aluno se exercita - começa a ser festejado também pela capacidade de reduzir aquela indesejável gordura que teima em se depositar no abdome. Em um estudo apresentado no Congresso Europeu de Obesidade, realizado recentemente, o equipamento apareceu como o responsável por uma expressiva diminuição do peso corporal total e também da gordura abdominal, ganhando dos exercícios aeróbicos e das dietas.

O trabalho foi conduzido na Universidade de Antuérpia, na Bélgica, sob a coordenação do fisioterapeuta Dirk Vissers. Durante um ano, ele acompanhou a evolução de peso de 61 participantes, divididos em quatro grupos. Um seguiu um regime alimentar. Outro adicionou à dieta uma planilha de exercícios aeróbicos que foram feitos pelo menos duas vezes por semana, uma hora por dia. O terceiro submeteu-se ao regime e exercitou-se no Power Plate. A cada semana, a intensidade e a velocidade da máquina foram elevadas. O último grupo não mudou nada na rotina. As recomendações foram seguidas por seis meses. Nos meses restantes, os voluntários foram orientados a fazer o que desejassem para tentar emagrecer.

Nos primeiros seis meses, os que usaram o Power Plate perderam 47 cm2 de gordura abdominal e mantiveram a redução ao término de um ano. Aqueles que associaram dieta e exercício aeróbico reduziram 17 cm2 desta gordura no começo, mas, ao término, tinham perdido apenas 1 cm2. E os que se submeteram somente à restrição alimentar viram sumir 24 cm2 de gordura visceral na primeira etapa, mas, após um ano, a perda se resumia a 7 cm2. E os indivíduos que não realizaram nenhuma alteração no cotidiano viram o peso corporal total subir cerca de 1,5% ao final de 12 meses.

roma3b

Linda, loira e com tudo em cima aos 50

Os pesquisadores estão investigando os mecanismos pelos quais o aparelho promove a queima da gordura abdominal. "Uma das hipóteses é a de que a vibração facilitaria a liberação da gordura para a corrente sanguínea e sua posterior eliminação", afirmou à ISTOÉ o fisioterapeuta Vissers. O especialista, porém, acredita que a redução expressiva desse tipo de gordura só é possível quando o exercício é conjugado com uma dieta alimentar.

O efeito constatado na pesquisa belga vinha sendo observado na prática. Na Academia Libra, em Brasília, os usuários do equipamento estão bem satisfeitos com os resultados. "Comecei a usá-lo há cinco meses e noto que a medida da circunferência abdominal está menor", conta Aline Cristina da Silva, 33 anos. "Uso três vezes por semana para fazer os exercícios abdominais. Vale a pena."

Créditos: ISTOÉ Independente

0 comentários:

Madonna Ever - Madonna sempre!