Siga o 'Madonna ever'

RSS
Premium WordPress Themes

19 julho 2009

Sobre biografia não-autorizada…

bio_madge

A famosa biografia não-autorizada de Madonna (Madonna, unauthorized) escrita por Christopher Andersen foi lançada no Brasil em 1991. Já li a recente escrita por Lucy O’Brien e pelo que li dessa até agora não há nada de tão diferente entre as duas a não ser os eventos que sucederam na vida da cantora nos 17 anos que separam as duas publicações.

O jeito de Andersen escrever é mais enxuto, ele vai direto ao ponto (O’Brien é mais detalhista, descreve o cenário e a cena) e ambos dão voz as pessoas que conviveram de perto com Madonna, principalmente quando ainda galgava por um lugar ao sol.

Os capítulos são intitulados com frases marcantes que a cantora disse naquele período em questão. É antigo, mas acredito que ainda achamos à venda na internet ou em livrarias sebo. Para quem deseja ler um relato cru e nu da carreira da maior artista do planeta vale a pena começar por Christopher Andersen.

Uma curiosidade é a capa brasileira com uma foto de Madonna durante a Blond Ambition com o seu bustiê cônico (Jean Paul Gaultier) e seu aplique a la ‘Jeannie é um gênio’ assim como na edição da biografia Madonna: 50 anos de Lucy O’Brien. Como prova, uma frase dita pela futura rainha do pop no início dos anos 80:

“Sou ambiciosa, mas se não fosse tão talentosa quanto sou ambiciosa seria uma monstruosidade vulgar” (Madonna Ciccone)

0 comentários:

Madonna Ever - Madonna sempre!